Indústria de Materiais de Construção mantém otimismo moderado e esforços na sustentabilidade de crescimento

Postado em Construção

A ABRAMAT (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) divulgou nessa quarta-feira, 04, a nova edição do Termômetro da Indústria de Materiais de Construção. A pesquisa de opinião realizada com as lideranças do setor indica que as empresas associadas estão otimistas em relação aos resultados de abril. Para 30% dos associados da ABRAMAT o mês apresentará resultado bom e 55% apontam o período como regular.
Já para maio a expectativa é que o otimismo aumente, com 50% das empresas associadas estimando resultado bom, e 40% regular. A pesquisa também apresenta os dados consolidados de março de 2022, indicando que o mês foi de resultados regulares no setor. Para 10% o terceiro mês do ano trouxe resultados muito bons, para 45% bom, e para 30% regular.
O Termômetro da ABRAMAT também traz informações sobre o nível de utilização da capacidade instalada da indústria de materiais. Em abril, a utilização da capacidade industrial foi de 74% na média das empresas associadas, 3 pontos percentuais acima de março de 2022, mantendo-se em patamar similar ao histórico no período anterior à pandemia.
Já as pretensões de investimento em abril de 2022 apresentam aumento significativo, com crescimento de 18 pontos percentuais em relação ao mês anterior, refletindo retomada de investimentos projetados para este ano, com 80% das indústrias de materiais indicando que devem investir nos próximos 12 meses seja para aumento da capacidade produtiva, seja na modernização dos meios de produção.

Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page