Manifesto Anfacer: Indústria Cerâmica Brasileira e o Novo Marco Regulatório do Gás

Postado em Gás Natural

A Anfacer, em parceria com a Aspacer e Sindiceram, lançaram essa semana um Manifesto intitulado: “Indústria Cerâmica Brasileira e o Novo Marco Regulatório do Gás Natural. O setor, consumidor intensivo do gás natural, aguarda pela aprovação do PL 6407/2013, o novo Marco Regulatório do Gás Natural, que deve ser votado nos próximos dias na Câmara dos Deputados. “Hoje da forma que estamos, enfrentamos muitas dificuldades frente aos nossos concorrentes internacionais, porque o GN se transformou no item de maior peso no custo de fabricação de pisos, azulejos, faixas, pastilhas e louças sanitárias. A tarifa do GN no Brasil é uma das mais caras do mundo. Somente a abertura do mercado do GN permitirá que haja uma redução do custo do gás para alavancarmos a retomada do setor cerâmico e da indústria de forma geral. Não podemos mais perder tempo”, afirma Luís Fernando Quilici – diretor de relações institucionais e governamentais da Aspacer.

Leia aqui o material completo

Industria ceramica brasileira e o novo marco regulatorio do gas natural