Engie aposta no setor de gás natural

Postado em Gás Natural

A multinacional francesa Engie, que tem em Capivari de Baixo o Complexo Termoelétrico Jorge Lacerda, da empresa Engie Brasil Energia, venceu, ao lado de um investidor institucional canadense, o processo competitivo da Petrobras para a compra de 90% da Transportadora Associada de Gás S.A (TAG).

O negócio chegou a R$ 35,1 bilhões para 100% da companhia. Desse total, a Engie ficou com 58,5%, sendo 29,25% com a Engie Brasil Energia e 29,25% com a Engie global. Somado, o investimento chega à ordem de R$ 20,5 bilhões. A canadense Caisse de dépôt et placement du Québec (CDPQ) ficou com 31,5%, e a Petrobras com 10%. A operação está sujeita à aprovação pela Assembleia Geral Extraordinária da Petrobras e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) e da autoridade de defesa da concorrência da União Europeia.

Esse investimento marca a entrada da Engie no setor de gás natural, onde a empresa pretende avançar também com geração de energia térmica. Ela tem projeto de uma usina em Garuva, no Norte de SC, numa parceria com a norueguesa Golar Power.

Segundo o CEO da Engie Brasil, Maurício Bähr, a aquisição da TAG é um marco na história da empresa, que está há 23 anos no Brasil. Também revela o compromisso com a evolução da transição energética, pela decisão de focar em fontes de energia mais limpa.

A Transportadora Associada de Gás S.A (TAG), que tem sede no Rio de Janeiro, é a maior transportadora de gás natural do Brasil. Conta com 4,5 mil quilômetros de gasoduto, que atendem as regiões Sudeste e Nordeste, além de um trecho entre Urucu e Manaus. A expectativa é de que a gestão continue sendo feita a partir do Rio.

MAIOR TRANSPORTADORA DE GÁS NATURAL DO PÁIS
A TAG é a maior transportadora de gás natural do Brasil, com uma infraestrutura de gasodutos com aproximadamente 4.500 km, localizada no litoral das Regiões Sudeste e Nordeste, além de um trecho ligando Urucu a Manaus (AM). A malha conta ainda com 12 instalações de compressão de gás e 91 pontos de entrega. A Engie é a maior produtora privada de energia elétrica do Brasil, com capacidade instalada própria de 9.775 MW em 56 usinas, o que representa cerca de 6% da capacidade do país. Contando com 2.300 colaboradores, a Engie teve no país em 2018 um faturamento de R$ 9,3 bilhões.

Fonte: Diário do Sul