ASPACER participa do 8º Fórum Mundial da Água

Postado em Água, Ambiental, Setor

No Brasil, o país da abundância das águas, as secas são cada vez mais frequentes e severas. Além disso, a desigualdade da distribuição desse recurso natural e os enormes gargalos no saneamento são barreiras ainda longe de serem transpostas. Esses e outros assuntos estão sendo discutidos no 8º Fórum Mundial da Água, evento que teve início na segunda-feira e segue até sexta-feira (23), sendo considerado o principal fórum para discutir o uso de recursos hídricos no planeta.

O encontro acontece pela primeira vez no hemisfério sul e foi sediado em Brasília. O Fórum reúne representantes de mais de 170 países, entre cientistas, governantes, parlamentares, juízes, pesquisadores e convidados. A ASPACER (Associação Paulista das Cerâmicas de Revestimento), sempre consciente da importância da preservação desse bem natural, esteve representada no evento pelo diretor executivo Almir Guilherme. “O Fórum traz fundamentalmente o compartilhamento de experiências, conhecimento, novas tecnologias, políticas públicas e projetos realizados nas mais diversas áreas que envolvem a água como o bem essencial à vida no planeta. Não obstante, a variedade de abordagem em todos os aspectos que envolvem esse tema tão precioso, ressalta-se o consenso e preocupação com relação a premente necessidade  de ações que visem seu uso racional e sustentável”, destacou.

 

ASPACER em defesa da água

 Em setembro do ano passado, a ASPACER apoiou o projeto de produção de cartilhas educativas “Cada gota tem a história da gota”. Uma iniciativa da CTSAM (Câmara Técnica de Saúde Ambiental) dos Comitês PCJ ( Piracicaba, Corumbataí e Jundiaí).  O material, cerca de 2.700 unidades, foi distribuído para alunos de escolas públicas de Rio Claro, Limeira e Iracemápolis. O tema inserido na cartilha foi escolhido por conta das crises hídricas dos últimos anos.

SAIBA MAIS

 

Indústria cerâmica reaproveita água em seu processo

De acordo com dados do CRC (Centro de Revestimentos Cerâmicos, de São Carlos), no setor cerâmico de revestimento, o reuso da água é muito relevante. Após a fabricação de revestimentos cerâmicos quase toda água usada no processo é reutilizada, o que gera uma economia muito grande ao setor e a uma maior disponibilidade hídrica para toda a sociedade.

Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page